Os Vestidos mais Marcantes do Cinema

Atire a primeira pipoca, quem nunca se apaixonou por um vestido que viu em algum filme! Por isso, preparei uma seleção especial, com todos os vestidos que ditaram moda e nos arrancaram e ainda arrancam muitos suspiros… Ai, ai…Tomara que algum deles te inspire para a a próxima festa! 1) Joan Crawford em “Redimida” (1932) – Tínhamos que começar com esse.


Mais clássico é impossível! O vestido da socialite Letty Lynton foi primeiro a se tornar um grande sucesso no cinema. O filme costuma ser lembrado entre os norte-americanos como o “Letty Lynton dress”. Criado pelo figurinista Adrian, o vestido de organza branco, com ombros largos, cintura estreita, diáfano, tornou-se mania entre as mulheres, vendendo mais de 50.000 réplicas em todo país!

2) Marilyn Monroe em “O Pecado Mora ao Lado” (1955) – Este sem dúvidas é o vestido mais marcante de todos! A cena do vestido branco plissado esvoaçante eternizou Marilyn como uma das atrizes mais sexies de todos os tempos. Em 2011 o vestido foi leiloado pela “bagatela” de 8,9 milhões de reais. 3) Julia Roberts em “Uma Linda Mulher” (1990)

O vestido vermelho que Vivian, personagem vivida por Julia Roberts, veste na noite da ópera é equivalente ao traje de baile das princesas da Disney, uma vez que o filme é um conto de fadas moderno. O modelo é uma criação da estilista Marilyn Vance que precisou brigar com os diretores para manter a cor vermelha já que eles insistiam em manter um “aborrecido” vestido preto. Hoje, nós agradecemos a desobediência de Vance! (Viva o vermelho, vermelhaço, vermelhusco, vermelhante, vermelhão!). 4) Audrey Hepburn em “Bonequinha de Luxo” (1961) – Não só nas telas, mas fora delas, a atriz belga eternizou o pretinho básico da Givenchy ao tomar seu café em frente à joalheria Tiffany’s. Foi a partir daí que a ideia de que toda mulher precisa ter um “pretinho básico”, já lançada por Chanel, foi reforçada por ninguém menos que Hubert de Givenchy! (Na época, o vestido preto ainda era visto como exclusivo dos dias de luto).Usando muitas pérolas, o famoso coque e a pequena coroa, Audrey contrariou o esperado ao transformar sua personagem, uma garota de programa, em um ícone de bom gosto e elegância. A linda peça foi vendida em um leilão na Christie’s em 2006 por nada menos que US$ 808 mil! Cerca de sete vezes o valor inicial estimado. E, então? Você gostaria de ter um pretinho básico desse no seu armário? 5) Emma Watson em “Harry Potter e o Cálice de Fogo” (2005) – Nem o Harry acreditou quando viu Hermione descendo as escadas. Ele e Ron ficaram boquiabertos, assim como nós que assistíamos ao filme. O vestido foi usado para o Baile de Inverno do Torneio Tribruxo, no qual a nossa bruxa preferida de Hogwarts dança com o astro búlgaro de quadribol, Victor Krum. (Snif, snif… Saudades). 6) Keira Knightley em “Desejo e Reparação” (2007) – Esse vestido verde-esmeralda é um arraso! Ele já foi descrito pela revista americana In Style em parceria com aSkymovies como o melhor figurino de todos os tempos! Sua cor, simbolizando a tentação, foi escolhida pela estilista francesa Jacqueline Durran. Ele é bem fresquinho e soltinho, acentuando o corpinho mignon de Keira Knightley. Se verde está assim, imagine só quando estiver maduro? 7) Grace Kelly em “Ladrão de Casaca” (1955) – Muita garota gostaria de ter todos os modelos usados por Frances em seu guarda-roupa. Embora Grace ainda não tivesse conhecido o príncipe Rainier, ela já se vestia como uma princesa! Foi difícil selecionar apenas um entre tantos vestidos lindos, por este motivo resolvi começar pelo mais emblemático.O vestido de lamê dourado, estilo Maria Antonieta, que também foi desenhado pela figurinista Edith Head, uma fera em roupas que foi indicada ao Oscar nada menos que 35 vezes (a estilista também inspirou na criação da Edith de “Os Incríveis”). Esse vestido é pura ostentação, vocês não acham?#garotadeouro 8) Vivien Leigh em “E o Vento Levou” (1940) – A primeira vez que eu vi o filme, fiquei completamente hipnotizada por esse vestido! Ele me levou foi tudo! E o interessante é que esse vestido foi utilizado na intenção de chocar mesmo, já que não era exatamente o que se esperava que uma dama da época vestisse. O corpete baixo, a saia quase reta, pouco armada, os bordados com pedrarias, as plumas e transparências transmitem sua mensagem.Apesar de os vestidos de Scarlett O’Hara estarem entre os mais lembrados da história do cinema, o filme não contabiliza o Oscar de Melhor figurino entre os seus 10 prêmios da Academia recebidos em 1940. Mas, não fiquem desapontadas meninas, essa categoria foi criada apenas em 1948. 9) Kate Winslet em “Titanic” (1997) – Uma das maiores superproduções não poderia ter qualquer figurino. Durante todas as trocas de Rose, personagem de Kate, o vestido que mais marca é o bordô, usado na cena do jantar. Ele é, ou não é lindo? 10) Kristen Stewart em “Amanhecer – Parte 1” (2011) – O vestido de noiva da protagonista da Saga Crepúsculo foi um dos mais aguardados do ano de 2011. Bella Swan divou ao caminhar ao encontro de Edward com um modelo assinado pela estilista Carolina Herrera. O legal é que o vestido teve uma versão mais em conta feito pela marca Alfred Angelo. Quem sabe você não usa no seu casamento, hein? Agora só falta o Robert Pattinson…

Ainda tem o Bônus!

Angelina Jolie em “O Turista” (2011) – Com um vestido divino preto, ar de mistério e magnetismo, Elise (personagem de Jolie) brilha em um dos lugares mais incríveis do mundo: Veneza. Precisa de mais?

– Continua… Parte 2, Clique Aqui.

Comente este Post!